Influenzanet is a system to monitor the activity of influenza-like-illness (ILI) with the aid of volunteers via the internet

http://www.influenzanet.info/

Epiwork Logo
Developing the framework for an epidemic forecast infrastructure.
http://www.epiwork.eu/

The Seventh Framework Programme (FP7) bundles all research-related EU initiatives.

7th Framework Logo
Participating countries and volunteers:

The Netherlands 0
Belgium 0
Portugal 1581
Italy 4838
Great Britain 0
Sweden 0
Germany 0
Austria 0
Switzerland 1350
France 6220
Spain 0
Ireland 354
InfluenzaNet is a system to monitor the activity of influenza-like-illness (ILI) with the aid of volunteers via the internet. It has been operational in The Netherlands and Belgium (since 2003), Portugal (since 2005) and Italy (since 2008), and the current objective is to implement InfluenzaNet in more European countries.

In contrast with the traditional system of sentinel networks of mainly primary care physicians coordinated by the European Influenza Surveillance Scheme (EISS), InfluenzaNet obtains its data directly from the population. This creates a fast and flexible monitoring system whose uniformity allows for direct comparison of ILI rates between countries.

Any resident of a country where InfluenzaNet is implemented can participate by completing an online application form, which contains various medical, geographic and behavioural questions. Participants are reminded weekly to report any symptoms they have experienced since their last visit. The incidence of ILI is determined on the basis of a uniform case definition.

Hide this information

Gripenet em colaboração com o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge

Gripenet em colaboração com o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge

A celebrar o seu 10º aniversário, o Gripenet decorre este ano pela primeira vez em colaboração com o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), que é a entidade coordenadora do Sistema Nacional de Vigilância da Gripe. Este Sistema Nacional de Vigilância baseia-se em informação recolhida junto de diferentes redes de entidades de saúde: 

- Médicos-Sentinela, 

- Serviços de Urgência, 

- Laboratórios para o Diagnóstico da Gripe, 

- Resistência a Antivirais, 

- Internamento em Unidades de Cuidados Intensivos, 

- Vigilância Diária de Mortalidade. 

Baseado nos dados e informações gerados por estes componentes, o INSA elabora semanalmente um Boletim de Vigilância Epidemiológica da Gripe

A informação disponibilizada pelos cidadãos através do projecto Gripenet não concorre com a que é obtida pelos métodos de vigilância das entidades de saúde, a cargo do INSA. Tratam-se de metodologias e amostras diferentes, susceptíveis, isso sim, de se complementarem, para um melhor retrato da gripe em Portugal. Devido às suas características, o sistema Gripenet possibilita uma detecção precoce de eventuais anomalias, e uma captação de pessoas que recuperam da gripe sem recorrer aos serviços de saúde, com uma assinalável economia de recursos. Características potencialmente úteis em caso de uma eventual pandemia. 

Ana Franco

27 de November de 2014 às 19:22